Gestão e Responsabilidade socioambiental

Por que precisamos reduzir a emissão de gases na atmosfera?

Publicado em: 6 de julho de 2022

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Por: Paes.digital

O clima global pode mudar drasticamente até 2100. Essas mudanças, em grande parte, podem ocorrer por conta da atividade humana, especificamente pela emissão de gases de efeito estufa para a atmosfera. No blog de hoje, falamos sobre a importância de agirmos agora, para que o nosso planeta fique bem no futuro.

Nos últimos anos, o mundo todo vem debatendo sobre as alternativas para reduzir a emissão de gases poluentes.

O assunto tornou-se ainda mais urgente no início deste ano, após o lançamento do novo relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, o IPCC. Os dados apontam que as emissões globais médias de gases de efeito estufa atingiram os níveis mais altos da história. E a maior parte deles são emitidos pelos processos das indústrias. Apenas no ano de 2018, por exemplo, foram liberados cerca de 37 bilhões de toneladas de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera.

Mas, apesar destes dados negativos, a taxa de crescimento diminuiu para 1,3% na década até 2019, contra os 2,1% da década anterior.

Se os dados são menores que na última década, por que devemos reduzir a emissão de gases na atmosfera? É sobre isto que vamos falar a seguir.

 

Por que reduzir a emissão de gases

O problema das emissões são os danos causados a curto e longo prazo.

Um exemplo é a composição química da atmosfera, que pode modificar a temperatura média do planeta. Por isso, a nossa saúde e a das demais espécies podem ser prejudicadas com as altas emissões de gases.

De acordo com o relatório, a previsão é que as emissões globais de gases de efeito estufa atinjam o pico até 2025, em modelos que indicam um aquecimento de 1,5°C ou 2°C.

O caminho recomendado é a redução rápida e profunda de emissões ao longo das décadas entre 2030 e 2050.

Você já está fazendo a sua parte para ajudar? Aqui no nosso blog já trouxemos algumas dicas para contribuir com a preservação, como este outro conteúdo sobre como reduzir a sua pegada ecológica.

Se este tema lhe interessou, clique aqui para conferir outras publicações sobre responsabilidade ambiental.

 

Uma empresa carbono neutro

Aqui na Mercur, desde 2009, realizamos o inventário de emissões de gases causadores do efeito estufa (GEE), buscando fazer a nossa parte para compensar o que não pode ser evitado.

Por conta disso, passamos a ser reconhecidos como uma empresa carbono neutro.

Com o inventário, identificamos que a maior emissão de GEE é gerada nos transportes, tanto de distribuição de produto pronto, quanto de entrada de matéria-prima.

Para ajudar o planeta, buscamos inspirar essa iniciativa em nossa cadeia de parceiros. Com isso, desde 2015, 100% das transportadoras que atendem a Mercur compensam as emissões geradas pelo transporte dos nossos produtos.

Uma delas é a Patrus Transportes, com quase 50 anos no mercado e sede em Belo Horizonte – MG, que está há mais de 5 anos nesta caminhada junto à Mercur na redução das emissões de CO2.

Recentemente, a empresa assinou o Pacto Global da ONU para ajudar no atingimento das metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), e até 2030 compensarão 100% das emissões de CO2.

Iniciativas como a da Patrus, são importantes para conter o aumento da temperatura do nosso planeta e preservar a existência de todas as espécies.

 

Para conhecer outras iniciativas da Mercur, clique aqui.

Vamos todos fazer a nossa parte!

Gostou desta publicação?
Compartilhe com seus amigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine nossa
newsletter